Dicas de Piscinas

Confira abaixo algumas Dicas de Piscinas e como deixa-las sempre prontas para os banhistas!

 

  • 1) Os banhistas sempre têm razão...

    O controle do pH é essencial à uma piscina sadia.

    Mantenha sempre o pH da água de sua piscina ajustado dentro do padrão recomendado, pois senão os banhistas vão chiar! Uma piscina com pH muito alto irrita os olhos e a paciência de muita gente, por isso não se esqueça: o nível de pH deve se manter sempre entre os níveis 7,2 e 7,6. Aproveite a ocasião para ajustar também a sua Alcalinidade Total da água e fique livre das reclamações.

  • 2) O barato sai caro.

    Muitas vezes por questão de economia diminuímos o tempo de filtragem da piscina, so que essa economia pode custar muito caro.

    Procure saber qual a vazão de filtragem do seu filtro, divida essa vazão pelo volume total de água da piscina, com essa conta você encontrara o tempo necessário mínimo de filtragem. Por exemplo seu filtro tem uma vazão de 5m³/h (5 mil litros por hora ), o volume de sua piscina é de 50m³ (cinqüenta mil litros) dividindo-se 50:5=10 , nesse caso seu filtro deveria trabalhar por no mínimo 10 hora. Muito tempo não é mesmo?? Nesse caso seu filtro esta dimensionado de forma errada. Ele devia ter uma vazão mínima 8,4m³ por hora para que pudesse se enquadrar na filtragem básica de 6 horas. Os filtro devem ser dimensionado para filtrarem no mínimo 100% do volume total de sua piscina em 6 horas, a partir daí tudo fica mais fácil, sua piscina ficara muito mais transparente.

    Por outro lado, um filtro com vazão extremamente alta, deve ser bem pensando antes da aquisição, temos encontrado pessoas que dizem, por exemplo, terem um filtro que filtra o volume total da piscina em 1 hora, vejamos:

    A piscina possui um volume de 40m³, o filtro tem uma vazão de 20m³ por hora, na teoria esse filtro trabalharia 2 horas para filtrar essa piscina. Correto? Na verdade esta errado, vejamos o porque:

    Normalmente as tubulações de piscina possuem uma bitola de 1.1/2” de diâmetro, dentro dessa bitola conseguimos passar uma vazão de 15.000 litros por hora, se multiplicarmos 15 X 2=30, ou seja, com esse filtro conseguimos filtrar 30m³ em 2 horas e não 40m³. Para que conseguíssemos filtrar o volume total seria necessário no mínimo 3,20 Horas. Resumindo, é impossível filtrar um grande volume se sua tubulação não comportar esse volume.

    Por isso aconselhamos a questionarem esses fatores na hora de adquirir seu filtro, ou antes, da construção de sua piscina. Nunca se esqueça “Filtragem deficiente é sinônimo de água ruim”.

  • 3) Filtrar, retro-lavar, aspirar, drenar...

    Apresentamos a rotina para se ter uma piscina limpa e saudável.

    Ter piscina é uma maravilha, claro! Mas cuidar dela é imprescindível, pois além da saúde de sua família e amigos que irão desfrutar dela, você tem que zelar por todos os seus equipamentos e instalação envolvida. Para mantê-la sempre limpinha e saudável, sem riscos à “casa de máquinas”, você deve fazer as seguintes ações regularmente:

    A) Aspirar o fundo da piscina;
    B) Retro-lavar o filtro de areia quando o manômetro marcar o valor especificado pelo fabricante do filtro, ou pelo menos uma vez por semana;
    C) Drenar toda vez que a água estiver muito turva e suja, jogando-a fora (basta selecionar no filtro a função “drenar”);
    D) Reduzir o acúmulo de ácidos graxos (gordura) nas bordas da piscina ajuda muito a evitar germes e bactérias. Para isso, instale condicionadores magnéticos ISOFLUX (verificar onde encontrar uma revenda STA).
    E) Lembre-se sempre de manter muito bem treinado as pessoas que irão manusear e efetuar tais operações, com instruções visíveis na sala de máquinas, pois uma manutenção errada compromete seus equipamentos e a qualidade de água dos banhistas!

  • 4) Preguiça não é desculpa! Filtre sua piscina diariamente.

    Filtrar a água da piscina regularmente todos os dias é uma de suas tarefas obrigatórias.

    Recomendamos que o trabalho de filtragem de sua piscina seja executado TODOS OS DIAS, sejam dias de inverno ou dias de verão. Deve-se filtrar, no mínimo, uma vez o volume total de água da piscina, porcentagem válida para piscinas residenciais; as de uso mais intenso, como por exemplo: Clubes, Academias, Condomínios, Hotéis, Clinicas, devem ser filtradas de 03 a 12 vezes. Além disso, o processo de filtragem não deve ser interrompido e recomeçado toda hora; sugerimos que se faça uma filtragem contínua e sem nenhum intervalo.

    Para piscinas que não possuem Timer, sugerimos o Econotimer equipamento fabricado pela STA que automatiza através de um timer, o tempo desejado para filtragem, alem de ser um equipamento útil para automatizar qualquer tipo de equipamento elétrico.

  • 5) Pressão pra que te quero!

    Verifique a vazão e retorno da água.
    Sem a pressão necessária ninguém funciona; imagine sua piscina, então! Controle e verifique se está tendo pressão nos bocais de retorno dela. Se não houver o retorno desejado em pressão para a circulação de água, as causas mais prováveis são:
    A) Filtro sujo. Retro-lavagem já!
    B) Registros de retorno ou entrada fechados; é preciso abri-los.
    C) Bomba gasta ou defeituosa. Chame uma assistência técnica e conserte-a.
    D) A tubulação entupiu; providencie seu devido desentupimento através de profissionais especializados.
    Nota: a operação errada dos registros é evitada com instruções escritas ao operador e numeração dos registros com etiquetas plastificadas.

  • 6) Se a situação da tua piscina está 'preta', DECANTAÇÃO nela!

    Use essa saída radical para situações radicais… Siga o processo descrito abaixo.
    Água muito turva, com pH muito alto e cheio de sólidos em suspensão. Sim, este é um quadro muito crítico e sua piscina tem sérios problemas. Mas também existe a solução redentora: a DECANTAÇÃO.
    Para iniciar o processo de decantação em sua piscina, siga estas etapas:
    A) Acerte o pH entre 7,2 e 7,6 usando um redutor/elevador de pH para ajustá-lo.
    B) Adicione 30g de sulfato de alumínio e 10g de barrilha para cada m3 de volume.
    C) Desligue um fio da cuba do AQUALUX. Coloque o registro do filtro em “RECIRCULAR”.
    D) Acione a bomba manualmente durante UMA hora e desligue.
    E) Deixe decantar a piscina durante 12 horas. Atenção: ninguém pode usar a piscina durante este período!
    F) Aspire o fundo da piscina com cuidado, jogando a água fora (posição “DRENAR” no filtro).
    G) Feito isso, religue o fio da cuba do AQUALUX e passe o comutador para o comando “AUTOMÁTICO”.
    Prontinho… Está feito!

  • 7) Analisar o pH regularmente; uma obrigação de quem tem piscina!

    Corrija seu pH toda vez que apresentar variações constantes e desajustadas.

    É fundamental a todos proprietários de piscinas ficarem de olho no índice de pH dela; faça seu teste periodicamente e corrija-o. Isso é muito importante para o conforto dos banhistas e a transparência da água.

    O coeficiente do pH deve estar sempre ajustado entre 7,2 e 7,6; acima ou abaixo disso, você terá problemas! Misture à água produtos químicos especializados em redução/elevação de pH para resolver a questão.

    Com AQUALUX e ISOFLUX tratando conjuntamente a sua água, você tem maior agilidade no controle do pH, que muito ao contrário do CLORO que é um elemento desajustador de pH, nossos equipamentos não interferem neste índice, então seu pH só vai ser alterado através de influências externas – intempéries do tempo, água contaminada do sistema de abastecimento, cal da argamassa na piscina, etc.

  • 8) Circulando... Circulando... Nada de água parada!

    Confira o sistema de circulação de água para evitar dores de cabeça.

    Circular a água de qualquer jeito não vale; ela tem um modo correto e adequado de circular por sua piscina para garantir que tudo vai dar certo. Ela tem de ser filtrada pelo ralo de fundo e retornada pela(s) entrada(s) superior(es). Para que isso aconteça de forma correta, mantenha a tomada do aspirador fechada e o skimmer (coadeira) aberto o mínimo necessário.

    E de suma importância que TODA A ÁGUA seja corretamente circulada! Para tanto, é preciso que o ponto de retorno fique o mais longe possível do ponto de sucção, nunca do mesmo lado da piscina, e em piscinas extensas e irregulares deve haver vários pontos de retorno, criando assim uma circulação eficientemente homogênea para evitar bolsões de água parada.

  • 9) Veja com quanta areia se faz um bom filtro...

    Checando se o seu filtro é compatível com AQUALUX.

    A areia do filtro deverá ter no máximo uma granulação de 0,9 mm. Acima disto, o filtro não tem capacidade de reter a floculação gerada pelo sistema AQUALUX, que é mais fina do que a gerada pelo processo químico. Mesmo os filtros novos, às vezes, contém o tipo de areia inadequada. O que acontece é que nestes casos a água não fica cristalina e é necessário trocar a areia do filtro. Confira suas especificações no manual do fabricante.